Realidade, ficção e peneiras

Enceladus Perto de Saturno

Neste mundo em que a nunca sabemos se o que vemos é real ou irreal (histórias contadas como verdade que não passam de mentiras para espalhar medo), real ou ficção (fotomontagens digitais perfeitas), verdadeiro ou falso (seios com ou sem silicone) quando encontro algo que é o
contrário, ou seja, parece falso, mas é real, fico sempre impressionado.


Esta fotografia acima, tirada pela sonda espacial Cassini, mostra numa perspectiva bastante incomum Saturno, seus anéis e um de seus satélites de nome Enceladus.

Na foto acima (clique para ver a versão maior) vemos o satélite bem pequeno, completamente branco pois sua superfície é totalmente coberta por água/gelo. Logo abaixo dele vemos os anéis de Saturno (aqueles que Rita Lee fala em roubar) numa vista lateral e também bastante incomum. E Saturno, onde está na foto? Está bem no fundo da foto. O fundo da foto é o grande planeta gasoso. Dele vemos um pequeno detalhe no canto superior esquerdo - uma sombra projetada pelos seus anéis - e um padrão escurecido que indica a região chamada de terminator em inglês, que indica onde numa parte é dia e na outra é noite no planeta.

Mas você pode estar se perguntando como sei que tudo isso é verdade mesmo a foto parecendo bastante com um desenho feito em computador por profissionais? Bom, tudo se consegue com confiabilidade. Esta foto é de propriedade da NASA e o site de onde a tirei é mantido por conceituados cientistas do Instituto. Mais de 10 anos trabalhando no site geram confiança naqueles que diariamente os visitam em busca de novas imagens do nosso lindo e sempre surpreendente universo.

Que possamos, sempre que formos passar uma informação adiante, peneirarmos antes de espalhar aos quatro cantos. Como conta uma velha história que vocês podem ler clicando aqui (e que vale a pena para os que ainda não conhecem), passemos as informações apenas se elas conseguirem sobrar nas três peneiras: a peneira da verdade, a peneira da bondade e a peneira de necessidade.

Espero que as nossas peneiras estejam em dia e com os furinhos bem ajustados para depois não andarmos deixando passar coisas maiores do que deveriam estar passando.

Um beijo, já peneirado, em todos.

Para saber mais
APOD - 22/03/2006 (en)

Comentários

Postagens mais visitadas